A Essencis MG desdobrou a pesquisa de segurança realizada pela Dupont para compreender melhor as dimensões analisadas e construir um plano de ação para aumentar, ainda mais, seu grau de competência no gerenciamento do OPS. Para isso, foram realizadas três turmas de um seminário para discutir a pesquisa utilizando metodologias ágeis.

Para aprofundar no tema da pesquisa utilizou-se conceitos de design thinking,  uma forma de ação criativa que foi adaptada à Administração utilizada para encontrar soluções para problemas. Na operacionalização da abordagem foram selecionadas as questões que não se alcançou o nível esperado e foram feitas duas perguntas aos grupos de colaboradores: porque, na opinião deles, não se alcançou o resultado e o que pode ser feito para mudar a situação. Para organizar melhor as sugestões, usou-se post-its e depois as discussões fora

cde91ce1-2dd7-4dea-b2a3-80c3d69dfaf5

m inseridas num quadro para análise da área de segurança.

A atividade foi conduzida pelo analista Fred Mendes, integrante do Time de Sustentabilidade, que organizou a metodologia separando os grupos de acordo com o nível organizacional: operacional, administrativo e liderança. Além disso, na execução, contou-se com a colaboração da aprendiz Andressa Castro, que organizou os resultados da pesquisa qualitativa.

  Para Fred Mendes aprofundar nas pesquisas é uma forma de aperfeiçoar os sistemas organizacionais. “Quando a empresa mergulha nas suas questões, encontra meios de se tornar ainda melhor para as pessoas e no desenvolvimento do seu negócio. Nestes encontros, só se reforçou para nós a importância da participação na construção da cultura de segurança”, disse.



ÚLTIMAS NOTÍCIAS