A 9° Semana de Integridade e Sustentabilidade na Regional Bahia foi celebrada entre os dias 18 a 22/10 e nossos mais de 2.300 colaboradores marcaram presença em muitas das palestras e atividades realizadas.

Neste ano o Grupo Solví trouxe o “ESG” com ênfase no G de Governança como temática central do evento, um dos pilares que alicerçam as boas práticas de gestão em nossas UVSs, e neste caso, podemos destacar o PIS (Programa de Integridade Sustentável) que possui nosso Código de Conduta, Política Anticorrupção e entre outras referências que utilizamos e vivemos todos os dias em nossas atividades.

Letícia Vardiero, Analista de Desenvolvimento Novos Negócios nas Unidades de Tratamento e Valorização da Regional Bahia e Claudia Calafange, Coordenadora Operacional da Sotero Ambiental, ministraram uma palestra sobre o ESG e como ele se aplica na prática nas nossas UVSs.

regional9

Ambas iniciaram suas carreiras como estagiárias e hoje, atuam em áreas de liderança e desenvolvimento na Regional. Durante a palestra elas demonstraram com exemplos essa prática do ESG e a importância de se aplicar isso no dia-a-dia. Claudia e Leticia agradecem a oportunidade e expressam que “foi um grande prazer ter contribuído com a 9ª semana de Celebração da Integridade. Compartilhando nossos conhecimentos e nossas vivências e adquirindo também sempre novos aprendizados” e Claudia ainda reforça que “para nós do Grupo Solví é fácil falar sobre o ESG, porque o ESG já é intrínseco no nosso programa de gestão, é algo que faz parte do nosso cotidiano, foi um desafio participar, mas foi fácil poder falar do tema que vivenciamos na prática diariamente”.

Os Agentes de Integridade merecem um destaque especial, pois fomentaram os colaboradores a acompanharem o evento, além da execução de dinâmicas sobre o ESG nas suas respectivas UVSs. Toda a Regional contou atividades especiais durante a semana, onde foi possível compartilhar experiências, promover integração entre as áreas e esclarecer dúvidas sobre o ESG e sua aplicabilidade no âmbito empresarial.

Bruno Tyaki, Superintendente das unidades de tratamento e valorização, traz a importância do evento, não apenas como algo pontual, mas, a preocupação do Grupo Solví na criação de uma cultura corporativa sólida e que vai além das paredes das UVSs, “A realização de eventos como esse contribui para o fortalecimento dos programas de governança corporativa, e ratificam que, mais do que ‘soluções para os negócios’ a SOLVÍ se preocupa em oferecer aos seus stakeholders ‘soluções para a vida’, sendo, para tal, indissociável o atendimento pleno aos pilares ambiental, social e de governança através das suas UVS’s, projetos e programas sólidos e consistentes ao longo do tempo”.

regional5

Carlos Neto, Responsável da Unidade Sotero Ambiental, também trouxe sua percepção no evento e valida que o G” de governança, possibilita não apenas boas práticas de gestão, mas, a inovação em processos, captação de novos clientes e melhoria nas entregas. “O ‘G’ nas nossas UVSs é reforçado de uma forma muito clara e objetiva em todas as políticas que temos aplicadas, como a política anticorrupção, os procedimentos operacionais e além disso nós temos as certificações das empresas que subsidiam a manutenção de uma operação de excelência!”.

Em se tratando de Governança, as associações a Compliance, gestão de contratos, relacionamento com os stakeholders e entre outros aspectos tornam-se mais evidentes, por isso, Vivianni Pinheiro, Superintendente Adm Financeira e de Contratos e que atua também como a função Compliance Antissuborno nas empresas da Regional Bahia, defende que liga-se aos mecanismos tradicionais de governança corporativa, que fazem com que a administração atue no melhor interesse de seus acionistas de longo prazo, o que inclui manter uma gestão com bom funcionamento, ter políticas bem projetadas e de prevenção de práticas ilegais, como fraude e suborno (compliance). Práticas contábeis transparentes e ainda, engloba a necessidade de atuação íntegra do conselho de administração, na gestão e nos processos corporativos. 

regional8

Vivianni reforça ainda que para mantermos as iniciativas ESG em prática nas organizações é necessário que tenhamos elas enraizadas nos seus princípios e valores, baseadas em programas efetivos. "Quando essas ações são somadas de forma coordenadas e harmônicas, os esforços dos diversos pilares tendem a produzir resultados sustentáveis e perenes. E é exatamente assim que temos a certeza que o ESG para a Solví não é apenas mais um movimento, e sim já faz parte do nosso core business.”

O evento foi encerrado na sexta-feira (22/10), e já estamos ansiosos pela próxima edição. Ricardo Fontes, Diretor da Regional Bahia, agradeceu a participação de todos e almeja resultados cada vez mais efetivos para os próximos anos.


regional7
regional6
regional4
regional3
regional2



ÚLTIMAS NOTÍCIAS